8º Festival Curau concentra 20 atrações em três dias de eventos gratuitos, em Piracicaba

Ações acontecem na Casa do Povoador, Largo dos Pescadores, Barranco Cultural e Casa do Hip Hop

0
333
Foto cedida pela Comunicação Pref. Municipal de Piracicaba

O 8º festival Curau (Culturas Regionais e Artes Urbanas) acontece nos dias 13, 14 e 15 de setembro. O evento contará com quatro espaços diferentes de atividades: o Barranco Cultural, a Casa do Hip Hop de Piracicaba, o Largo dos Pescadores e a Casa do Povoador. O Curau faz parte do Calendário de Eventos de Piracicaba.

A intenção é conectar as culturas tradicionais e urbanas, promovendo o diálogo, a troca de experiencias e conhecimentos em diferentes segmentos da arte, desde os batuques tradicionais até o Hip Hop.

O enfoque desta edição são artistas e Mestras negras. Os shows principais serão da rapper Drik Barbosa, da Mestra Lia de Itamaracá e da cantora de MPB e jazz Luedji Luna.

O evento é realizado pela Associação Pró-Cultura de Piracicaba e Coletivo Piracema, e conta com os apoiadores: Sesc Piracicaba, Casa do Hip Hop, Auá Turismo, Secretaria da Ação Cultural e Turismo (SemacTur), Prefeitura de Piracicaba, Poiesis, Oficinas Culturais e Governo do Estado de São Paulo

Mari Pedrozo, colaboradora e idealizadora do Curau, fala sobre a importância do apoio e dos colaboradores. “A oitava edição do festival curau é como plantar uma árvore e olhar para ela oito anos depois e dizer: ela está firme. Todas as parcerias, colaboradores e artistas são fundamentais para sua consolidação”.

A abertura realizada pelo Encontro de Saraus, acontecerá na sexta-feira, 13/09, no Barranco Cultural, localizado no bairro Santa Fé, região Oeste de Piracicaba. O encontro terá início com a oficina de confecção do cenário com o artista visual e designer de moda Rafaell Cavaglhyery, e na sequência, a oficina de poemas com escritora Cynthia Rocha.

Os coletivos “Lugar Diverso” e “Sarau Um Salve das Mina” são responsáveis pela organização do sarau, que contará com a participação dos poetas Lucas Afonso, Julia Motta e o show do cantor piracicabano Maikão.

Mayra Kristina, uma das organizadoras do evento, realça a importância de ações como o Curau, nas periferias. “O Curau diz um ‘sim’ para a região que todos dizem ‘não’. É muito importante que a diversidade cultural esteja nas periferias, que a população possa desfrutar de diversos gêneros artísticos e descobrir o que os agrada. O Encontro de Saraus permite que os moradores tenham contato com a pluralidade.”

Foto cedida pela Comunicação Pref. Municipal de Piracicaba

No sábado, 14/09, as atividades acontecerão na Praça José Bonifácio, com a Rota Negra Piracicabana – coordenada pela Auá Turismo – e na Casa do Hip Hop, que recebe o campeonato de skate “Base 2”, o Fórum das Tradições Populares Piracicabanas e o Ciclo de Estudos Sobre Cultura Tradicional e Contemporaneidade. O evento terá início com a roda de conversa de Conversa: Liderança de Mulheres Pretas na Cultura Popular, com participação de Marta Joana (Batuque de Umbigada de Capivari), Vanessa Dias (Jongo Dito Ribeiro), Rosa Pires (Samba de Bumbo de Campinas), Ediana Arruda (Samba de Lenço de Piracicaba), Baby Amorim (Bloco Afro Ilú Obá de Min), Andrea Martins (Batuque de Umbigada de Piracicaba) e mediação de Mayra Kristina (Produção Festival Curau).

A sequencia das atividades na Casa do Hip Hop serão as apresentações e shows: Samba de Lenço de Piracicaba, Jongo Dito Ribeiro, Batuque de Umbigada, Samba de Bumbo Nestão Estevam, e o show de encerramento das atividades com a Mestra cirandeira Lia de Itamaracá.

O Largo dos Pescadores e a Casa do Povoador serão os palcos do Curau no domingo, 15/09. As atividades têm início no período da manhã na Casa do Povoador com a oficina “Despertando a performance: do jornal a rua” do grupo Perfome-se. Na sequência, o espaço receberá o Encontro do Coletivo Beleza Preta.

Os shows do domingo ficam por conta dos artistas Baque Caipira, Daniel Garnet, Roda de Capoeira Escola de Capoeira Raiz de Angola convida Angoleiros Sim Sinhô, Desfile da Beleza Preta, Drik Barbosa, Afoxé Amigos de Katendê e Luedji Luna.

SOBRE O FESTIVAL CURAU

Realizado desde 2012, o Festival Curau foi criado pelo Coletivo Piracema e Associação Pró Cultura com o objetivo de divulgar a cultura popular para população como um todo, promovendo a valorização e manutenção da mesma pelos próprios cidadãos.

A programação sempre foi pensada com o propósito de fomentar a interdisciplinaridade da cultura tradicional e a contemporânea, promovendo a realização de dezenas de apresentações artísticas de várias linguagens, abrangendo o teatro, a música, a dança, a literatura, o artesanato e as artes visuais de maneira gratuita em espaços públicos e em instituições culturais da cidade de Piracicaba.

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

Sexta-feira (13)
Barranco Cultural (Rua Teófilo Otoni – Santa Fé I)

14h – Oficina de confecção do cenário com Rafaell Cavaglhyery
16h30 – Oficina de Poemas Cynthia da Rocha (horário/estrutura/local)
18h30 – Encontro de Saraus: Um Salve das Minas, Lugar Diverso, Lucas Afonso, Maikão e Julia Motta

Sábado (14)
Praça José Bonifácio

9h30 – Rota Negra Piracicabana com Auá Turismo – Um convite para conhecer e identificar pontos históricos negros na cidade. (inscrições antecipadas – 20 vagas)

Casa de Cultura Hip Hop

14h30 – Campeonato “Skate Cultural”
Fórum das Tradições Populares Piracicabanas e Ciclo de Estudos Sobre Cultura Tradicional e Contemporaneidade.
14h30 – Roda de Conversa: Liderança de Mulheres Pretas na Cultura Popular.
Com participação de Marta Joana (Batuque de Umbigada de Capivari), Vanessa Dias (Jongo Dito Ribeiro), Rosa Pires (Samba de Bumbo de Campinas), Ediana Arruda (Samba de Lenço de Piracicaba), Baby Amorim (Bloco Afro Ilú Obá de Min), Andrea Martins (Batuque de Umbigada de Piracicaba). Mediação: Mayra Kristina (Produção Festival Curau).
16h30 – Samba de Lenço de Piracicaba
17h15 – Jongo Dito Ribeiro
18h – Batuque de Umbigada
18h45 – Samba de Bumbo Nestão Estevam
20h – Lia de Itamaracá

Domingo (15)
Casa do Povoador

9h – 12h – Oficina com o grupo Performe-se “Despertando a performance: do jornal a rua”
14h – Encontro da Beleza Preta

Largo dos Pescadores

15h – Baque Caipira
16h – Daniel Garnet
17h – Roda de Capoeira Escola de Capoeira Raiz de Angola convida Angoleiro Sim Sinhô
18h – Desfile da Beleza Preta
18h30 – Drik Barbosa
19h30 – Afoxé Amigos de Katendê
21h – Luedji Luna

Flávia Silva Perez
Jornalista MTB: 43.882
Assessoria de Comunicação SemacTur
Prefeitura Municipal de Piracicaba

Deixe uma resposta