Cheia abre vertedouro de Itaipu e promove espetáculo para turistas

Turistas que visitaram os atrativos da usina tiveram sorte, neste domingo (28).

0
195
Vertedouro de Itaipu Foto: Kiko Sierich/PTI

A chuvarada de outubro mudou o cenário da seca na bacia do Rio Paraná. Alguns dos mais de 40 reservatórios acima de Itaipu estão escoando o excedente não usado para a produção de energia. Com isso, sobrou água também em Itaipu. A usina está vertendo desde sábado (27), às 21h. Espetáculo das águas que não se via há seis meses. Sorte para os turistas que visitam neste domingo (28) os atrativos da usina.

Pelo vertedouro passavam, na tarde de domingo, 1.171 metros cúbicos de água por segundo, o equivalente a quase a vazão média das Cataratas do Iguaçu. A previsão é que o vertimento permaneça até segunda-feira (29) pela manhã.

A última vez que Itaipu verteu foi em março deste ano, mas por questões operacionais. Neste ano, Itaipu já produziu mais de 78 milhões de megawatts-hora ante 77 milhões de MWh no mesmo período de 2017.

É graças à mudança no tempo, do período de estiagem para o chuvoso, que a bandeira tarifária de energia elétrica, que estava vermelha até este mês, passará a amarela a partir de novembro.

A Itaipu

Com 20 unidades geradoras e 14 mil MW de potência instalada, a Itaipu Binacional é líder mundial na geração de energia limpa e renovável, tendo produzido, desde 1984, mais de 2,6 bilhões de MWh. Em 2016, a usina brasileira e paraguaia retomou o recorde mundial anual de geração de energia, com a marca de 103.098.366 MWh. Em 2017, a hidrelétrica foi responsável pelo abastecimento de 15% de toda a energia consumida pelo Brasil e de 86,4% do Paraguai.

Por Assessoria de Imprensa Itaipu

Deixe uma resposta