Mesatenistas da Fran TT garantem vagas para Tóquio 2020

Atletas conquistam três medalhas de ouro no Parapan-Americano e carimbam as vagas para os Jogos Paralímpicos, no Japão

0
336
Atleta Fran TT, Danielle Rauen. Crédito. Foto: Fran TT Training Center

O final de semana entrou para a história da equipe piracicabana de tênis de mesa com as conquistas de três medalhas de ouro e uma prata, nas competições da modalidade, disputadas nos Jogos Paralímpicos em Lima, no Peru.

Com os títulos de suas respectivas categorias no torneio individual, os atletas Danielle Rauen, Luiz Filipe Guarnieri Manara e Carlos Alberto Carbinatti Júnior, conquistaram as vagas para representar o Brasil nos Jogos Paralímpicos, que serão disputados em 2020, em Tóquio, Japão.

Danielle Rauen conquistou a medalha de ouro na classe 8-10 feminina ao vencer a brasileira e companheira de equipe, Jennyfer Marques Parinos pelo placar de 3×0 (11/4, 11/2 e 11/3).

Luiz Filipe Guarnieri Manara trouxe a medalha de ouro na classe 8 masculina ao vencer na decisão, o atleta da Costa Rica, Steven Roman por 3×1 (11/9, 9/11, 11/9 e 12/10) e Carlos Alberto Carbinatti Júnior garantiu o ouro na classe 10 masculina e a vaga para Tóquio ao derrotar o brasileiro Claudio Massad por 3×0 (11/6, 11/9 e 11/7).

Carlos Alberto Carbinatti Junior. Foto: Fran TT Training Center (arquivo)

Em entrevista após sua conquista, a mesatenista Danielle Rauen agradeceu o apoio da família, companheiros de equipe e à parte médica da CPB. “As fortes dores no joelho atrapalharam a preparação final para os jogos de Lima, mas com a ajuda de médicos, psicólogos e fisioterapeutas, tive forças para vencer as dificuldades e atingir o meu objetivo. É uma medalha de grande importância e que representa a superação. Um alívio enorme e uma felicidade trazer mais um ouro para o Brasil e garantir a vaga para os Jogos Paralímpicos de Tóquio, Japão.” – disse a medalha de ouro, Danielle Rauen.

A única atleta da equipe piracicabana, que ainda não garantiu participação nos Jogos Paralímpicos de Tóquio é Jennyfer Marques Parinos, medalha de prata na classe 8-10 feminina no Parapan de Lima. Ela vai aguardar definições do ranking mundial para ter chances de representar o Brasil nos jogos do Japão.

A equipe piracicabana de tênis de mesa que esteve viajando com a Seleção Brasileira paralímpica, em Lima, ainda contou com a participação do mesatenista Diego Moreira, que conseguiu classificação na fase de grupos, mas acabou desclassificado nas quartas de finais.

No decorrer desta semana, os atletas da equipe Fran TT Training Center jogam as competições por equipes, onde têm chances de conseguirem novas medalhas para o país.

Assessoria de Imprensa
Fran TT Training Center /Café Morro Grande/Selam

Jornalista Edilson Rodrigues de Morais, Mtb 26.319

Deixe uma resposta