Piracicaba promove Seminário Internacional da Água em 2019

Evento será realizado em março no Engenho Central

0
490
Rio Piracicaba Foto: Adilson Zavarize (arquivo)

A Prefeitura de Piracicaba sedia, nos dias 14 e 15 de março de 2019, o primeiro Seminário Internacional da Água. O evento será realizado no Teatro Erotídes de Campos e no Armazém 14 do Engenho Central, com palestras, debates e exposições onde serão debatidos a gestão dos recursos hídricos naturais. A proposta do seminário é propiciar um grande encontro, com convidados internacionais de renome mundial para discutir o tema da água, desde as suas formas de captação, tratamento, distribuição, perda e escassez.

“A escolha de Piracicaba para sediar o evento se deu, entre uma série de motivos, pela excelência na gestão da água e resíduos verificados no município”, afirmou Gavroche Fukuma, diretor executivo do Instituto Movimento Cidades Inteligentes. A proposta é ter em Piracicaba uma série de debates com ideias e projetos que possam ser compartilhados em todo mundo e não apenas no Brasil. “Precisamos considerar que a água é um recurso finito. O mundo, ainda tem muita dificuldade em educar e sensibilizar as pessoas sobre o real valor da água em nossas vidas”, disse Fukuma Durante coletiva de imprensa no Centro Cívico, neta terça-feira (11).

O prefeito Barjas Negri, que é também presidente do Comitês PCJ salientou a importância do evento em âmbito regional e nacional. “É fundamental essa troca de experiências relacionadas a forma como consumimos a água. Piracicaba é exemplo na gestão de recursos hídricos, e isso foi conquistado fruto de muitos investimentos e da atenção integral da gestão pública”, afirmou. Para Barjas, tão importante quanto debater a utilização dos recursos hídricos para a geração atual, é primordial que o mundo esteja preparado para as próximas gerações. “Nossa cidade é abastecida por mananciais que proporcionam uma rica oferta de água, mas não podemos nos distrair por um segundo sequer desperdiçando ou utilizando a água de forma perdulária. Estou certo que este seminário nos permitirá conhecermos alternativas que aprimorem nossos trabalhos e nos preparem ainda mais para garantir a oferta de água para o futuro”, disse Barjas Negri.

Evento – Dentre os convidados internacionais, são esperados especialistas de diversos países para apresentar seus cases de sucesso para o tratamento e gestão da água como Israel, Chile, México, Austrália e França. O francês Loïc Fauchon, presidente do Conselho Mundial da Água, está previsto para proferir a palestra magna do Seminário. Foi ele quem, em 1977, criou a associação humanitária Transahara, que organiza missões de assistência para o desenvolvimento na África Subsaariana e Europa Oriental.

Promovido em parceria da Prefeitura de Piracicaba e do Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto), o Seminário Internacional da Água é organizado pelo Instituto Movimento Cidades Inteligentes, em uma promoção da Agência das Bacias PCJ, Comitês PCJ e Apla (Arranjo Produtivo Local do Álcool do Piracicaba). O evento conta ainda com o apoio do Centro de Capacitação Hydrus. As inscrições para participação são obrigatórias e gratuitas e já podem ser feitas pelo site www.ci.eco.br/agua2019.

Texto por Felipe Ferreira
CCS Pref. de Piracicaba

Deixe uma resposta