Talharim a Carbonara, uma receita cheia de histórias

0
341
Foto Luh Almeida

Olá amigos!

Hoje trago mais uma receita de massa muito fácil de preparar: o Talharim a Carbonara! Se preferir, pode ser preparada também com um delicioso spaghetti, o resultado vai ser maravilhoso também. Ah, um bom vinho branco chardonnay é o acompanhamento perfeito se for servido no jantar.

Que tal um pouquinho de história antes? Assim como a maior parte das receitas tradicionais, as origens deste prato são obscuras, existindo até lendas. Há referências de que foi criado na antiga Roma. Porém, há quem diga que tenha sido a refeição preferida dos trabalhadores das minas de carvão italianas, por causa do nome. E também existem os que dizem que as manchas pretas de toucinho e pimenta se assemelham a pequenos pedaços de carvão, o que poderia explicar o nome. Também foi sugerido que poderia ter sido inventado pelos membros da Carbonária, uma sociedade secreta italiana.

Por não estar no clássico livro da culinária italiana La Cucina Romana, de Ada Boni (1927), o prato não era conhecido antes da segunda guerra mundial. A sua popularidade começou após a segunda guerra mundial, quando se tornou popular entre as tropas norte-americanas estacionadas na Itália e que quando regressaram para casa, tornaram a receita popular nos EUA.

Agora, vamos à receita:

Ingredientes
  • 300g de pancetta (ou bacon)
  • 01 dente de alho amassado
  • 01 colher (sopa) de azeite
  • 500g de talharim
  • 05 ovos
  • 05 colheres (sopa) de queijo parmesão ralado
  • 05 colheres (sopa) de queijo pecorino ralado
  • Pimenta-do-reino
  • Sal (a gosto)
Modo de Preparo

Corte a pancetta em pedacinhos bem pequenos.

Em uma frigideira, coloque um pouco de azeite e o alho amassado.

Junte a pancetta até ficar dourada e soltar a gordura.

Quando o alho estiver dourado pode retirálo (serve para dar mais sabor).

Em um recipiente, bata os ovos inteiros com os queijos ralados e moa a pimenta do reino por cima.

Misture até que fique homogêneo.

Misture o talharim cozido al dente à frigideira da pancetta (ainda no fogo) e depois coloque o ovo batido por cima.

Rendimento: Serve até 04 pessoas.

Sobre o Chef André Ávila – André é sul-caetanense e descendente de espanhóis, um verdadeiro apaixonado pelos prazeres que sabores e aromas proporcionam ao paladar. Ele traz o conhecimento adquirido em escolas como “Les Ecoles Internacionales Le Cordon Bleu”, de Paris, França, onde recebeu o título de Chef; “Accademia Italina Della Coccina”, Milão, Itália; “Escuela de Gastronomia Instituto Superior Mariano Moreno”, Bogotá, Colômbia, e, “Gato Dum Colégio de Coccinos”, Buenos Aires, Argentina.

Deixe uma resposta