Travessia de balsas entre Santos e Guarujá ficará mais ágil com balsa extra

0
331
Foto: Dersa SP

A travessia entre Santos e Guarujá, que já foi contemplada recentemente com um novo bolsão dentro do projeto Nova Ponta da Praia, ganhará mais um reforço para melhorar a fluidez no trânsito: até o final de janeiro, a Dersa anunciou que colocará em operação uma 7ª balsa.

A FB-20, com capacidade para 40 veículos, retorna depois de passar por amplo processo de reforma e amplia a capacidade operacional do sistema – que atualmente é de 500 veículos por hora.

O uso de mais uma embarcação na travessia vai ao encontro do objetivo do bolsão inaugurado na Ponta da Praia pela Prefeitura de Santos: dar mais fluidez ao trânsito, de forma a evitar que as filas se estendam para a avenida da orla.

O bolsão acomoda até 110 veículos, o dobro da capacidade anterior e recebe o fluxo proveniente das avenidas Saldanha da Gama e Rei Alberto I (embarque preferencial). Há também uma nova pista para saída, com opções nos sentidos praia e porto.

“A ampliação da capacidade de transporte do sistema de balsas pela Dersa torna-se fundamental para que a nova proposta implantada na Ponta da Praia funcione de forma plena, beneficiando a população santista e os milhares de turistas que escolhem Santos como destino”, destaca Rogério Vilani, presidente da Companhia de Engenharia de Tráfego de Santos.

Nova Ponta da Praia 

Em março, será entregue o novo edifício do Mercado de Peixes, em construção na Avenida Governador Mário Covas. No local, haverá 20 boxes para compra de pescado e dois para produtos como temperos e artigos de pesca, além de um bar no mezanino. O ambiente será climatizado e o estacionamento vai oferecer 40 vagas.

Ao lado do mercado será construída uma base para a 1ª Companhia do 6º Batalhão de Polícia Militar (https://www.santos.sp.gov.br/?q=noticia/ponta-da-praia-em-santos-vai-ganhar-nova-base-para-a-policia-militar). Esta obra também ficará a cargo da iniciativa privada e foi estabelecida por um Termo de Responsabilidade de Implantação de Medidas Mitigatórias ou Compensatórias (Trimmc), resultante do Estudo de Impacto de Vizinhança (EIV) para um empreendimento imobiliário no bairro.

Já no mês de julho, será entregue o Centro de Atividades Turísticas (CAT) como contrapartida estabelecida por lei para a desativação de um centro de convenções particular no Campo Grande. Com 30 mil metros quadrados, o equipamento público está sendo erguido na praça Almirante Gago Coutinho, que será ampliada.

A edificação terá pavilhão climatizado de feiras e exposições e salão para convenções e shows. Haverá ainda um heliponto na cobertura e 367 vagas cobertas de estacionamento.

Atendimento Secom
Secretaria de Comunicação
Prefeitura Municipal de Santos – PMS

Deixe uma resposta